Qualcomm rejeita oferta de aquisição da Broadcom

A Qualcomm rejeitou a oferta hostil de compra pela Broadcom, criando um potencial conflito entre as duas gigantes do setor dos chips no que poderá ser a maior aquisição na história do setor de tecnologia.

Uma fusão entre as duas corporações criaria uma empresa colossal que fabricaria chips para comunicações em vários dispositivos e aparelhos, operadoras telefônicas e centros de dados.

Em comunicado nesta segunda-feira, a administração da Qualcomm disse que a oferta, feita pela Broadcom na semana passada, subavalia drasticamente a empresa e apresenta uma significativa incerteza regulatória.

A Broadcom informou também nesta segunda-feira que continua empenhada no negócio. “Continuamos a acreditar que a nossa proposta representa a alternativa mais atrativa e geradora de valor disponível para os acionistas”, disse o presidente da Broadcom, Hock Tan, em um outro comunicado.

A rejeição poderá levar à apresentação de uma proposta mais elevada da Broadcom. Também poderá abrir caminho para uma possível luta pelo controle da administração da Qualcomm. A Broadcom disse que prefere negociações amigáveis, mas uma fonte próxima de Tan acredita que ele estará disposto a tentar eleger membros para o conselho da Qualcomm que sejam a favor do negócio. O prazo para a nomeação é 8 de dezembro. A reunião anual para votar mudanças no conselho acontece em março.

Fonte: Valor

Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
NENHUM COMENTÁRIO

ESCREVA UM COMENTÁRIO