O que você precisa saber antes de vender sua empresa

Tomar a decisão de vender uma empresa não é fácil, nem simples. Afinal, o empreendimento carrega em seu histórico todo o fruto do esforço e suor do fundador. Porém, em alguns momentos da vida, as pessoas passam por situações em que precisam abrir mão de determinadas coisas, por inúmeras razões. (confira o post 5 sinais de que está na hora de vender sua empresa).

Para os empresários que pretendem seguir em frente com a venda de uma empresa, vale lembrar que existem alguns cuidados que devemos ter na hora de fazer a transação comercial. Para isso, a Nello Investimentos separou uma lista de algumas coisas que você precisa saber antes de vender sua empresa. Afinal, todo o cuidado é pouco e há diversas providências a serem tomadas antes de anunciar a empresa ao mercado.

Apresente indicadores reais para o futuro comprador

É esperado que toda empresa trabalhe com estratégias de faturamento e lucratividade para os todos os meses do ano. Neste caso não adianta simplesmente falar para o comprador que o negócio tem um lucro “X”, enquanto você não pode comprovar isso. Apresente dados e relatórios que demonstrem com veracidade todos os processos e informações da empresa, sejam referente a vendas, custos fixos e variáveis, custo de matéria-prima, dívidas, entre outras situações que podem fortalecer ou enfraquecer a empresa.

Organize o administrativo-financeiro da empresa

Documentos como demonstrativos financeiros, escrituração contábil e balanços patrimoniais serão avaliados por todos os futuros compradores da sua empresa. Para isso, é necessário ter em mãos o levantamento sobre a situação administrativa-financeira da companhia. Nunca esconda ou simule dados. Além das implicações cíveis e penais, o vendedor pode colocar todo negócio a perder.

Contabilize todos os ativos da empresa.

É importante contabilizar todos os ativos da empresa. Os ativos tangíveis são instalações, equipamentos, suprimentos, veículos, contas a pagar, estoques entre outros. Os ativos intangíveis são contas a receber, clientes, contratos e outras obrigações a pagar, como os passivos. Se sua empresa estiver no negativo, acesse o post sobre compra de empresas endividadas.

Deixe claro o seu posicionamento

O posicionamento da sua empresa pode ser mais um fator positivo a se mostrar para o comprador, a fim de valorizar o negócio. Ter um posicionamento definido e sólido no mercado facilita na hora de vender a sua empresa. Produza uma matriz SWOT para apresentar ao investidor junto demais informações. Demonstrar os riscos e fraquezas passa credibilidade ao negócio. Toda empresa possuem os seus. A análise SWOT, por outro lado, pode fazer os interessados enxergarem ainda, de maneira ampla, os aspectos positivos e desafiadores do empreendimento.

Faça uma apresentação profissional

A apresentação de sua empresa precisa ser elaborada pensando nos mínimos detalhes, para que o comprador se convença que é vantajoso e lucrativo investir no seu negócio. Produza um book presentation, além de um laudo técnico de avaliação do negócio. A insegurança e a pressa na apresentação do empreendimento podem botar tudo a perder. Portanto, se organize e traga dados consistentes sobre o atual momento da companhia. Apresente dados comerciais, societários, financeiros, contábeis, e etc.. Uma dica é o Canvas, plataforma rápida e simples que faz com que todos enxerguem, com clareza, as atividades da empresa e seu modelo de negócio.

Monte uma estratégia de negociação

Para montar a estratégia de negociação, você pode contar com uma consultoria especializada a fim de preparar melhor sua empresa para a venda. Juntos, o empresário e a consultoria podem organizar os propósitos e objetivos do negócio, as respostas para as possíveis demandas do comprador, a defesa do preço, a elaboração de documentos e cláusulas, bem como trazer à tona previamente outros detalhes que possam ser levantados pelo interessado. Confira no blog, o post sobre 4 razões para contar com uma boutique financeira para vender sua empresa.

É imprescindível, portanto, planejar e organizar as etapas para venda e exposição do negócio no mercado. A construção de uma boa tese de investimento, a coleta e organização de documentos e o estudo de potenciais investidores estratégicos ou financeiros são etapas indispensáveis para vender uma empresa, a fim de se maximizar o preço e conquistar melhores resultados.

Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
NENHUM COMENTÁRIO

ESCREVA UM COMENTÁRIO