LVMH faz oferta de US$ 14,5 bi à Tiffany

A multinacional LVMH Moët Hennessy – Louis Vuitton confirmou hoje (28) a oferta de compra à Tiffany Co. por US$ 14,5 bilhões. A LVMH está disposta a pagar US$ 120 em dinheiro vivo por ação da joalheria.

As ações da Tiffany fecharam na sexta-feira (25) a US$ 99,55, o que significa que a oferta da LVMH representa uma valorização de mais de 20%. No entanto, desde que a proposta foi publicamente oficializada, as ações já alcançaram o valor de US$ 129, desvalorizando a proposta da multinacional. Em 2018, as ações da Tiffany chegaram à marca dos US$ 140.

As especulações em relação ao próximos passos da LVMH são fortes. Ao canal de notícias CNN Business, Oliver Chen, analista do banco de investimentos Cowen, disse que a LVMH teria de oferecer ao menos US$ 160 por ação para conseguir fechar o negócio.

A Tiffany, que afirmou estar analisando a proposta, vem passando por momentos turbulentos nos últimos anos. A empresa trocou de CEO em 2017. Alessandro Bogliolo veio da Bulgari, onde trabalhou por 16 anos até que a empresa foi comprada pela LVMH em 2011. Depois disso, ele liderou a Sephora pela multinacional por pouco mas de um ano.

A aquisição da Tiffany pode ser a mais cara já feita pelo grupo, que pagou US$ 12 bilhões para trazer a Christian Dior em 2017. A LVMH é o maior conglomerado de marcas de luxo do mundo, com 75 no total, incluindo Louis Vuitton, Christian Dior, Marc Jacobs, e no futuro, talvez, Tiffany.

Fonte: Forbes.com.br

Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
NENHUM COMENTÁRIO

ESCREVA UM COMENTÁRIO