Lala: mexicana que comprou a Vigor apresenta crescimento

Mesmo sem considerar a aquisição da Vigor, o resultado líquido da empresa mexicana foi de US$ 40,7 milhões. O lucro da Lala cresceu 17,3% no 1º trimestre de 2018, em comparação com o mesmo período do ano anterior. Se for considerar a aquisição da Vigor, o lucro apresentado foi de US$ 26,8 milhões. A receita líquida da Lala no primeiro trimestre foi de R$  811,8 milhões, acima dos R$ 728,5 milhões de igual intervalo de 2017, também sem considerar a aquisição da empresa Vigor. O lucro antes dos juros, impostos, depreciações e amortizações (Ebitda) atingiu US$ 95,9 milhões, quase 13% acima do primeiro trimestre de 2017. Em comunicado, Scot Rank, CEO da Lala, afirma que “a integração com a Vigor no Brasil vai por um bom caminho. A Vigor está ganhando participação no mercado em categorias-chave e melhorando a margem operacional. Esperamos que ambas as tendências continuem durante 2018”, ressaltou ainda o executivo.

Editorial Nello Investimentos

Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
NENHUM COMENTÁRIO

ESCREVA UM COMENTÁRIO