Fintechs brasileiras em alta

As fintechs unem duas indústrias poderosas – a indústria financeira e a indústria da tecnologia. O foco está em simplificar produtos e serviços financeiros, com custos mais baixos, de olho ainda na inclusão de milhares de pequenas empresas e consumidores – pessoas físicas, sem acesso ao sistema bancário tradicional. De acordo com a “Conexão Fintech”, portal eletrônico de notícias, em 2016 as Fintechs brasileiras receberam aporte de investidores na ordem de R$ 515 milhões; em 2017 foram R$ 457 milhões e em 2018 (entre janeiro e fevereiro) já atingiu R$ 760 milhões, levando-se em conta os investimentos realizados no Nubank. No Brasil, 53% das médias e pequenas empresas não tem acesso a crédito.

Editorial Nello Investimentos

Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
NENHUM COMENTÁRIO

ESCREVA UM COMENTÁRIO