Casas de Investimento

Conhecidas como empresas de análises de investimento, duas novas companhias entram no mercado para brigar pela fatia de pessoas físicas. Cinco ex-analistas da Empiricus se juntaram para criar a Nord, onde contam com a confiança de terem conquistado 60 mil seguidores nas redes sociais. Por outro lado, uma dissidência na Eleven deu origem a Levante, que foi inaugurada em março e já atingiu 30 mil clientes cadastrados, incluindo quem acessa o conteúdo gratuitamente. A intenção dessas empresas, embora ambas se inspirem no modelo da Empiricus, é vender análise de investimentos com linguagem acessível, divertida, mas sem o mesmo “barulho” da pioneira, que muitas vezes se pautou por um marketing muito agressivo. A instrução n. 598 da CVM,  editada em maio, prevê o credenciamento das empresas de análise até o fim de novembro. Hoje, só o profissional que faz recomendação tem de ser certificado, sujeito a punições, quando há algum desvio de conduta. O marketing digital e a presença nas redes sociais atualmente pautam a estratégia das empresas que atuam neste mercado. a nova norma busca disciplinar a comunicação com o investidor, pedindo linguagem serena e comedida não só nos relatórios, como também em peças de marketing ou qualquer manifestação nas redes sociais.

 

Fonte: Valor

Gostou? Compartilhe!Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
NENHUM COMENTÁRIO

ESCREVA UM COMENTÁRIO